História

A nossa História e Filosofia de Internacionalização !

A história de uma empresa de vinhos começa muitas vezes antes da sua constituição formal: foi o caso da Lusovini.

Este projeto assenta em muitas gerações ligadas ao setor, as quais, através dos seus descendentes, veem hoje continuada a sua paixão pelo vinho. Os sócios da Lusovini estão a recriar essa herança requalificando vinhas velhas, plantando novas vinhas, construindo novas adegas e tentando ser inovadores no turismo do vinho – o enoturismo.  O nosso desafio é colocar dentro das garrafas toda a riqueza deste país vitícola extraordinário que é Portugal.

Portugal tem regiões vinícolas tão diferentes que a Lusovini, tendo partido do Dão, rapidamente se expandiu para as regiões da Bairrada, do Douro, do Alentejo e do Vinho Verde. A verdade é que o conjunto superou a soma das partes, o todo fez a diferença. A empresa celebrou isso mesmo adotando uma nova marca: Lusovini - Vinhos de Portugal, a sua designação atual.

No decurso do seu processo de transformar o potencial vinícola de Portugal em marcas de vinho, a Lusovini internacionalizou-se, criando empresas na Europa, em África, na América do Sul, na América do Norte e na Ásia. Nas geografias destes quatro continentes montou operações de apoio aos seus clientes, garantindo-lhes que os vinhos são bem armazenados, servidos e bebidos nas condições ideais.

A Lusovini empenha-se muito em prestar um serviço integrado ao retalho e à hotelaria e restauração locais. Mas também se dirige aos diferentes grupos de consumidores finais, mostrando-lhes como os vinhos se podem encaixar no seu quotidiano e dar-lhe a graça que não existiria sem eles.

Tem idade legal para consumo de bebidas alcoólicas?